Cafeína para que serve?

Cafeína para que serve?

Nem todos sabem cafeína para que serve e todos os benefícios que essa substância pode trazer à saúde. Presente em grande volume no café grão, é muito simples de consumir no dia a dia, mas é preciso saber dosar para evitar efeitos colaterais.

Cafeína para que serve e como age no corpo?

Saiba que a cafeína para que serve é um estimulante cerebral, uma vez que bloqueia a ação da adenosina. Desse modo, ela reduz o sono e o relaxamento, ou seja, deixa a pessoa mais alerta e atenta. 

Outro dos efeitos da cafeína no corpo é o aumento da produção de dopamina e noradrenalina. Essas duas substâncias, por sua vez, garantem mais energia durante um certo período.

Prevenção de doenças

Alguns estudos sugerem que esse elemento pode ajudar a reduzir o risco de doenças, sendo algumas delas:

  • Parkinson;
  • doenças do coração;
  • diabetes tipo 2;
  • câncer. 

Esses benefícios são obtidos a partir do consumo regular da cafeína. No entanto, esse é apenas um dos fatores que impactam na incidência de tais doenças, logo, deve ser combinado com hábitos saudáveis.

Cafeína para que serve?
A prevenção de doenças no coração é um dos benefícios da cafeína para que serve, desde que o consumo seja controlado. Imagem de Lina Kivaka no Pexels

Cafeína para que serve tem ação no emagrecimento?

Aqueles que buscam emagrecer devem saber cafeína para que serve que ela acelera o metabolismo. Ou seja, o corpo passa a gastar mais calorias e com isso é possível perder peso mais rápido.

Vale lembrar, no entanto, que esse efeito não substitui a necessidade de ter uma dieta equilibrada. Afinal, o aumento no gasto calórico não é tão expressivo, por isso, é importante ter a orientação de um nutricionista.

Cafeína para que serve?
Cafeína para que serve tem como propósito o aumento no gasto de calorias. Imagem de samer daboul no Pexels

Redução do apetite

Outro efeito que se observa a partir do consumo de bebidas com cafeína, como o café preto, por exemplo, é a redução no apetite. Logo, para quem precisa emagrecer, esse pode ser um bom aliado para diminuir a ingestão de calorias ao longo do dia.

Nesse contexto, pode-se substituir um lanche durante a tarde por um café com leite delicioso e saudável. Essa opção, além da cafeína, ainda conta com uma dose de proteína, que ajuda a dar saciedade.

É termogênico

Ao ingerir cafeína também se nota um aumento na temperatura do corpo, dessa forma, o organismo precisa gastar mais energia para regular o calor. 

Melhor desempenho nos exercícios

A substância derivada do café promove um aumento da energia, o que é ideal para a prática de exercícios. Por isso, é comum que atletas profissionais ou amadores insiram esse composto como pré-treino.

Cafeína para que serve?
Os atletas sabem cafeína para que serve e a usam como pré-treino para ter mais disposição. Imagem de Toni Cuenca no Pexels

Quais são os pontos negativos da cafeína para que serve?

Mesmo com os benefícios da cafeína para que serve, ela pode trazer problemas como insônia e agitação para os mais sensíveis. Além disso, outros sintomas que podem se manifestar com o consumo em excesso são:

  • taquicardia;
  • aumento da pressão arterial;
  • azia e refluxo;
  • desidratação.

Para aqueles que fazem uso de remédios de uso contínuo, a cafeína também pode interferir no resultado. Por isso, é essencial seguir as orientações médicas e quando necessário suspender o uso.

Diante disso, as pessoas com histórico de problemas cardíacos, como hipertensão, bem como quem sofre de ansiedade deve consumir com cautela. O mesmo vale para aqueles com doenças gástricas, e em caso de qualquer efeito colateral, busque um médico.

Como aproveitar os benefícios da cafeína para que serve?

Além de saber cafeína para que serve, é preciso entender como consumir, sendo o café a principal fonte. Isso porque, as demais opções como cápsulas tem uma concentração alta e devem ser usadas com indicação de um médico ou nutrólogo.

Por outro lado, bebidas como refrigerantes de cola ou energéticos podem ter um teor alto de açúcar. Dessa forma, se a intenção é perder peso, não será a melhor escolha para ingerir no dia a dia.

Nesse cenário, tomar o café puro e sem açúcar é a melhor forma de se beneficiar do ganho de energia, sem trazer outros problemas como diabetes e ganho de peso. Caso ainda não se acostume com o paladar amargo, pode-se incluir outros ingredientes, como:

  • adoçantes naturais, como o stevia, por exemplo;
  • canela, que aumenta o efeito termogênico, inclusive;
  • leite, de preferência, desnatado.

Esses alimentos ajudam a dar um sabor mais suave e adocicado, a fim de facilitar a ingestão do café.

Cafeína para que serve?
O café preto é uma das melhores formas de aproveitar cafeína para que serve. Imagem de Karolina Grabowska no Pexels

A quantidade ideal para o consumo diário

Para um adulto, sem outros problemas de saúde associados, a quantia de cafeína diária pode ficar entre 300 e 400 miligramas. Isso equivale a cerca de quatro xícaras de café.

Já crianças, gestantes e pessoas com tendência a pressão alta, por exemplo, devem reduzir a ingestão para um máximo de 100 a 200 mg.

Qual é o café com o maior percentual de cafeína?

Em geral, o café espresso tem mais cafeína do que o normal, por isso, é servido em xícaras menores. Outra forma de encontrar um produto com uma concentração maior é observar o tipo de grão de origem.

A variedade robusta, muito conhecida, tem um teor de cafeína entre 2,2 a 2,7%; já a arábica fica entre 1,2 a 1,5%. Assim, ao comprar o produto, vale ficar atento à composição dos grãos, para aproveitar mais os benefícios.

Cápsulas Bicafé

A loja Bicafé possui uma ampla variedade de cafés em cápsula, fáceis de preparar para obter a dose diária de cafeína. Entre as opções disponíveis, há o expresso, ristretto e lungo, por exemplo, que têm um percentual maior da substância.

Também é possível encontrar acessórios e cafés em grão, para quem possui máquinas ou usar o moedor para o preparo na hora. Além disso, o cliente pode escolher entre várias variedades, como os tipos arábica, robusta e safras especiais.

Com isso, pode-se experimentar vários sabores e ter sempre à mão uma fonte de cafeína para ter energia no dia a dia, seja no trabalho, no treino ou nos estudos.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.