café preto

Por que consumir café preto? Veja os benefícios e descubra curiosidades

O café preto é, sem dúvida, a forma mais tradicional no mundo de consumir essa bebida quente. Então, para quem aposta na versão mais simples e natural do cafezinho, conheça a seguir todas as vantagens que ele possui e confira ainda alguns fatos curiosos sobre ele.

Quais são as vantagens do café preto?

O café preto, dentre as suas muitas vantagens, facilita o processo de emagrecimento, reduz as chances de desenvolver pedra nos rins e ainda diminui o risco de câncer de pele. 

Confira, então, esses e outros benefícios com mais detalhes abaixo. Aliás, vale destacar que todos eles são comprovados cientificamente por meio de pesquisas.

Facilita o emagrecimento

Café e dieta é uma dupla de sucesso, já que essa bebida acelera o metabolismo, o que facilita o processo de queima de gordura. Isso foi comprovado em uma pesquisa publicada no International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism.

A cafeína, que eleva o nível de adrenalina no corpo, dilui as células gordurosas e assim, as liberam no sangue. Além disso, sabe-se que o café é um dos termogênicos naturais, por isso, ele acaba sendo um aliado no processo de emagrecer.

Só que, vale lembrar, que apenas o café puro não fará com que você perca peso. Isso porque, deve-se ter também uma alimentação saudável e fazer exercícios físicos para obter melhores resultados.

a imagem ilustra sobre café preto
O café preto reduz o risco de desenvolver cálculo renal. Imagem de valeria_aksakova no Freepik

Redução do cálculo renal

Quem tem o hábito de tomar café pode reduzir em até 31% a chance de desenvolver cálculo renal. Foi essa a conclusão de um estudo feito pela Universidade Católica do Sagrado Coração na Itália.

O motivo, de acordo com os pesquisadores, é que a cafeína ajuda a diluir a urina, isso acaba por evitar que se forme as dolorosas pedras nos rins

Menor risco de ter problemas cardíacos

Uma pesquisa de Harvard com 140 mil participantes revelou que até quatro xícaras de café preto por dia podem reduzir em até 11% o risco de sofrer com problemas no coração, como a insuficiência cardíaca. 

Essa condição, aliás, ocorre quando o coração não bombeia sangue pelo corpo como deveria. Os responsáveis por esse grande benefício são os polifenóis presentes na bebida. 

Estes, por sua vez, possuem a função de combater os radicais livres que elevam o nível de colesterol ruim e assim, podem causar infartos, por exemplo.

Combate inflamações

A cafeína, segundo a Universidade de Stanford, combate a inflamação crônica que ocorre no corpo devido ao envelhecimento. Isso porque, essa substância tão conhecida no café tem efeito anti-inflamatório, o que permite tratar e prevenir diversas doenças.

a imagem ilustra sobre o tema café preto
Quem não bebe café preto tem mais chance de desenvolver esclerose múltipla. Imagem de jannoon028 no Freepik

Beber café reduz a chance de desenvolver esclerose múltipla 

Quem bebe até quatro xícaras de café ao dia têm menos chances de desenvolver doenças autoimunes como a esclerose múltipla. Essa, portanto, é a conclusão de um estudo feito pela Universidade Johns Hopkins dos EUA.

A pesquisa mostrou que aqueles que não ingerem essa bebida cafeinada são mais propensos a terem essa doença que afeta a medula e o cérebro. Isso porque, a cafeína tem propriedades neuroprotetoras.

Café diminui o risco de câncer de pele

O consumo de café reduz as suas chances de desenvolver câncer de pele, de modo mais específico, um carcinoma basocelular. Essa é a conclusão do estudo feito pela Escola de Medicina da Harvard, após avaliar os dados de mais de 100 mil pessoas.

A cafeína é o componente que pode combater os efeitos danosos do sol e assim, impedir que eventuais tumores se desenvolvam na pele.

Quais são as principais curiosidades sobre o café preto?

Uma curiosidade é que a genética faz com que algumas pessoas gostem de café preto e outras não. Além disso, muitos amantes da bebida também desconhecem que ela pode ser usada para produzir farinha.

Outro fato curioso é que existe uma relação entre café e Santos Dumont que poucos conhecem. Confira em detalhes essas curiosidades a seguir.

Genética influencia no gosto por café puro

Um estudo da Universidade Northwestern revelou que a genética influencia no fato de que algumas pessoas preferem tomar café amargo e puro. Além disso, também possuem preferência por:

  • chocolate amargo e não pelas opções mais doces;
  • café preto em detrimento do popular café com leite.

Analisando os genes e outros dados levantados, constatou-se que alguns indivíduos conseguem metabolizar a cafeína bem mais rápido e estes, por sua vez, curtem a bebida em sua forma mais natural, isto é, preta e mais amarga.

O uso do café na produção da farinha

Algumas empresas têm feito uso da cereja do café para produzir farinha. Desse modo, pode-se utilizá-la para fazer:

  • pães;
  • molhos;
  • muffins;
  • chocolates.

Vale destacar, no entanto, que nenhum desses alimentos terão gosto de café. Aliás, de acordo com a variedade da cereja, eles podem ter notas cítricas, florais ou de fruta torrada.

Café x Santos Dumont

Foi o café que sustentou Santos Dumont e tornou possível que ele fizesse experimentos. Isso porque, o pai do inventor cultivava esses grãos. Aliás, vale destacar que Henrique Dumont recebeu o título de “Rei do Café”, uma honra dada a poucos cafeicultores no Brasil.

Por que conhecer os benefícios e curiosidade sobre o café preto?

É essencial conhecer os benefícios e curiosidades sobre o café preto, pois essa é uma das bebidas mais presentes na vida dos brasileiros. Então, saber que o seu consumo moderado gera tantas vantagens à saúde, valida a sua importância no mundo.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.