Cafezinho: confira os mais tradicionais, doces e exóticos

Um dos maiores prazeres da vida é tomar um bom cafezinho. Seja de manhã ou à tarde, com açúcar, creme ou chocolate. Com certeza, esse momento é valorizado por muitos, logo vale a pena ver os diferentes tipos.

Dos mais tradicionais aos mais exóticos, continue lendo este post, a fim de conhecer cada um deles. Bem como, suas principais características. Então, se você é um apaixonado por essa bebida, acompanhe tudo a seguir.

O cafezinho mais tradicional

Esses são os mais conhecidos e consumidos no mundo. Sem dúvida, você já deve ter provado alguns deles. Por exemplo, o café expresso. A Bicafé possui cápsulas dele, com sabor intenso e aroma bem perfumado. Não deixe de experimentar.

Outro tipo bastante popular é o café com leite. Dessa forma, são ideais para quem prefere a bebida de modo mais suave e equilibrado. Assim, é o favorito para consumir pela manhã ou em um lanche da tarde em família. 

A Bicafé também possui uma linha de cápsulas desse tipo. Já o cappuccino é o mais diferente dessa categoria. Afinal, ele é composto por:

  • Café;
  • Leite vaporizado;
  • E espuma de creme.

No Brasil, costuma-se ainda acrescentar chocolate, canela ou noz moscada. Por outro lado, os europeus preferem o modo mais tradicional, sem esses ingredientes. A Bicafé também tem cápsulas dessa bebida.

Cafezinho com toques mais adocicados

Nestes há a adição de itens que deixam ele mais doce. Por exemplo, o mocha é composto por:

  • Café;
  • Leite vaporizado;
  • Creme;
  • E calda de chocolate.

A combinação de todos esses elementos gera uma bebida muito deliciosa. Por isso, é mais indicada para quem está começando a se apaixonar pelo café.

Por ser mais docinho, facilita a adaptação ao gosto dessa bebida mundialmente famosa. Aliás, muitos o comparam com o cappuccino. Já que possuem alguns ingredientes em comum. Outra opção docinha e saborosa é o café com chantilly. 

Os tipos de cafezinho mais diferentes

Enquanto há os mais populares, existem outros menos comuns. Por exemplo, o pingado, que tem muito mais café em sua proporção do que leite. Na verdade, a quantidade desse último é quase simbólica, apenas para dar outra cor à bebida. 

Já o café breve é mais consumido nos Estados Unidos. Assim, ele é composto de:

  • Café, é claro;
  • Leite;
  • E creme.

Este último é a razão pela qual essa bebida não é tão conhecida no Brasil. Pois este tipo de creme não é vendido no país.

O Espresso Macchiato

Quem adora um café mais cremoso, essa é a escolha perfeita. Além disso, a Bicafé possui cápsulas desse tipo, bem densas e encorpadas. Ou seja, ideal para apreciar no final da tarde.

Aqui há apenas café e creme de leite, aquele usado em sobremesas como mousses e cheesecakes. Dessa forma, é uma bebida bastante equilibrada também com:

  • 50% de expresso puro;
  • E 50% de creme de leite.

Já o panna combina café espresso e creme de leite batido. Por outro lado, também é comum substituir este último por chantilly.

A diversidade do café

Um dos motivos pelo qual o cafezinho é tão consumido é por causa da sua variedade. Tanto nos grãos, quanto nos sabores e aromas. É possível achar com creme, chocolate, leite, mais intenso ou mais suave. Isto é, de maneiras que agrada a todos os gostos.

Agora, você já conhece os principais tipos: dos mais tradicionais aos mais diferenciados. Além disso, a Bicafé oferece cápsulas dos mais populares. Dessa forma, você pode levar para a sua casa e apreciar quando quiser.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *