cápsula de café

Como é feita uma cápsula de café?

A cápsula de café se tornou uma das formas mais práticas e rápidas de fazer a bebida ao longo do dia a dia. Por isso, entenda como funciona o processo em que elas são feitas e mais, descubra quais as suas principais diferenças.  

Como surgiu a cápsula de café

Esta tecnologia surgiu em 1970, criada pelo suíço Jean-Paul Gaillard. Mas, apenas em 1986, a Nespresso® começou a vender o item pelo mundo. Assim, com o passar do tempo, a marca viu a necessidade de diversificar o produto para atender o gosto de vários clientes.

Para se tornar mais popular, a qualidade para preservar aroma e sabor passou por várias melhorias ao longo dos anos. Dessa forma, hoje em dia, várias empresas as vendem e se estabelecem como uma das formas mais comuns de consumir a bebida.

A Bicafé Brasil é uma delas e em seu site, bem como em sua loja na Shopee, você encontra os seus diversos sabores, além da qualidade sem igual no mercado. 

O que é a cápsula de café e quais seus materiais

São pequenos recipientes que têm café moído dentro e usam máquinas próprias para preparar o líquido de forma rápida. Hoje em dia, elas são de vários materiais. Cada um deles tem propriedades únicas que interferem no gosto.

Papel

Elas têm um formato achatado e guardam o pó em seu interior, como um tipo de filtro. No geral, servem apenas em alguns aparelhos, porque não são tão comuns quanto outros modelos. Mas, é o estilo menos usado no mundo, ainda assim tem vários benefícios:

  • Material é reciclável;
  • Tem baixo custo de produção;
  • É muito leve.

Plástico

A cápsula de café de plástico precisa de muitas camadas para resistir a temperaturas altas. Deste modo, para fazer o material, as empresas precisam investir mais dinheiro e ter processos mais complexos.

Elas têm um nível de proteção maior e mantêm melhor a qualidade da substância. Então, é possível armazenar o item por muito mais tempo com bom sabor e aroma. 

Metal

São itens fáceis de fabricar, que são finos e leves para transporte, logo, são bem comuns. Mas, tem lados negativos, já que o material pode reagir com o pó e interferir no sabor e em outras propriedades dele. 


Foto: O mais interessante sobre a cápsula de café é a diversidade de sabores.

Porque tem data de validade

Como cada material reage de um jeito diferente com a bebida, é preciso ter uma referência de data de validade. Assim, é possível definir quando o produto continua sendo bom para consumo e quando ele passa a apresentar gosto e cheiro alterados.

Entenda como é feita a cápsula de café 

O recipiente de metal, que é o mais comum, é feito com um filtro e vedado com uma camada de alumínio fina. Depois disso, o café moído e torrado é colocado dentro do item o mais rápido possível. No geral, são cinco ou sete gramas de pó inserido em cada um. 

Para fechar, é preciso duas camadas de plástico, a primeira serve para distribuir água no interior e a segunda para vedar bem. Dessa forma, o produto fica pronto para uso e segue para os comércios locais.

Motivos para optar por esse método

A cápsula de café é um preparo da bebida mais rápido. Além disso, é uma maneira automática, por isso, não há risco de que você tenha uma bebida muito forte ou fraca. Ou seja, ela sempre entrega a qualidade certa para que as pessoas possam se deliciar.

Na Bicafé, você ainda encontra cápsulas biodegradáveis, em que é possível aproveitar o sabor sem igual do cafezinho e sem prejudicar o meio ambiente. Não deixe de conhecer.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.