O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade

O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade

Ao se questionar se o café quebra jejum é essencial entender a relação entre essa bebida e esse estado do organismo. Assim, existem diversas situações onde a ingestão é permitida e em outras, não. Portanto, vale a pena se aprofundar melhor no assunto.

O café quebra jejum?

De fato, o café quebra jejum, mas isso depende do tipo de privação de alimento. Então, existem algumas questões importantes sobre a abstinência total de comida e a periódica. Mas, calma, não é nada complicado, confira.

Jejum intermitente

Não existe apenas um tipo de jejum e o intermitente é o mais conhecido. Assim, ele é uma espécie de estratégia alimentar onde se tem alguns períodos de privação e outros de alimentação balanceada. 

Muitos acreditam que isso é uma dieta, no entanto, não é bem assim. Afinal, o foco aqui não é o que comer e sim quando ingerir a comida. Hoje várias pessoas usam essa tática como forma para perder peso.

O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade
O café quebra jejum, mas o intermitente nem sempre. Imagem de Pixabay no Pexels.

Café no jejum intermitente

Ao contrário do que alguns pensam, é possível tomar um bom café no jejum intermitente sim. No entanto, ele não deve contar com açúcar ou adoçante. Além disso, a bebida é uma grande aliada no processo.

Para certas pessoas, ela reduz o apetite, o que ajuda a permanecer de jejum por mais tempo. Claro, lembre-se que existem períodos diferentes do método, como: 12, 16 e 24 horas.

Uma simples xícara de café preto de 240 ml tem apenas cerca de 3 calorias. Além disso, conta com quantidades bem pequenas de minerais, gorduras e proteínas. É por isso que sua ingestão não vai afetar o seu jejum.

Os nutrientes ali presentes não são o suficiente para causar uma atividade metabólica no seu corpo. Portanto, não tem problema algum em tomar seu café habitual. Com isso, é possível aproveitar os benefícios do jejum intermitente, como:

  • Controle de níveis de glicose e de insulina na corrente sanguínea;
  • Redução do apetite;
  • Melhora da resistência à insulina;
  • Mais disposição nas tarefas do dia a dia.
O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade
Muitos pesquisadores já estudaram e entenderam que o café quebra jejum. Imagem de Engin Akyurt no Pexels.

Comprovação científica

A pesquisadora nutricionista da Universidade de Michigan, Sue Ryskamp, confirma todas essas informações. Além disso, ela disse que fora o café, chá e água com gás também não atrapalham o seu processo de abstinência.

Café em jejum antes de fazer exame

Nem todo jejum é intermitente, de modo que muitas vezes a pessoa só se priva um período de comer, para fazer algum exame. Então, em geral, para realizar um check-up costuma ser necessário ficar de 8 a 12 horas sem se alimentar.

Para boa parte das pessoas, ficar sem o café durante esse período é um grande desafio. No entanto, nesses casos, não se pode ingerir a bebida de forma alguma. Afinal, o seu princípio ativo, a cafeína, altera o resultado dos exames.

Isso mesmo se você beber puro, mas, caso coloque açúcar ou adoçante, a situação é ainda pior. Assim, todos os elementos envolvidos vão interferir nos testes. Essa afirmação vale em especial para avaliações bioquímicas, como o nível de glicemia, por exemplo.

É claro que nem todos os exames são iguais e pode haver alguma exceção. Dessa forma, ao saber que o café quebra jejum, se informe antes com seu médico sobre a possibilidade de ingerir ou não a bebida.

O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade
O café quebra jejum, mas isso não é uma regra. Imagem de Lisa Fotios no Pexels.

Pode tomar café puro no dejejum?

Tomar café adocicado ou não, assim que acorda é algo muito satisfatório para boa parte das pessoas. No entanto, Steve Miller, da Universidade de Bethesda traz um dado interessante. Então, segundo ele, a secreção de cortisol é alta pela manhã.

Esse é um dos hormônios que deixam o corpo humano em alerta. Portanto, nesse período já se tem energia o bastante para começar o dia. Assim, ao tomar café especial, isso pode te deixar mais tolerante ao efeito da cafeína.

Agora, não pense que por causa dessa questão você precisa abandonar a bebida. Dessa forma, a principal dica é comer alguma coisa antes de ingeri-la. Ainda, uma opção é esperar algumas horas após acordar para tomar seu café da manhã.

Quebrar o jejum com café impede de aproveitar os benefícios da bebida?

De forma alguma, ao ingerir o líquido pela manhã, você vai aproveitar todas as vantagens que ela oferece. Além disso, para os amantes da bebida, o indicado é tomar até 4 xícaras ao longo do dia. Isso vai te dar mais energia e disposição por mais tempo.

Café quebra jejum, essa é uma regra?

Você já entendeu que o café quebra jejum, mas não o intermitente. Claro, dentro das condições citadas no post, nada de açúcar ou adoçante.

De forma geral, não existe nenhum malefício em consumir a bebida durante esse tipo de privação. No entanto, lembre-se que ao fazer exames médicos, a situação muda.

Também vale ressaltar a importância de consumir esse líquido de forma moderada. Assim, você aproveita tudo o que ele pode oferecer e deixa de lado os efeitos colaterais que seu excesso causa.

O café quebra jejum? Entenda se isso é verdade
O café quebra jejum e é uma das bebidas mais amadas no mundo inteiro. Imagem de Pixabay no Pexels.

Café de qualidade

Seja para quebrar ou não seu jejum, quem gosta dessa bebida sempre preza pela qualidade e sabor. Portanto, não deixe de conferir as opções que a Bicafé oferece no seu site.

Tem inúmeros sabores de cápsulas diferentes e até mesmo grãos para escolher. Além disso, caso seja amante de café, mas sensível à cafeína, vale a pena investir na opção descafeinada.

São muitas opções tanto para quem é iniciante nesse universo quanto para quem já é expert. Por fim, com moderação é possível aproveitar ao máximo essa bebida que tanto faz parte da vida dos brasileiros.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.