Café cremoso

Café cremoso em cápsula com chocolate branco, aprenda a fazer

Café cremoso é um jeito delicioso de começar o dia. Quando combinado com chocolate e a praticidade das cápsulas, então, fica sublime. Sendo assim, é hora de conhecer uma receita para variar e ampliar o cardápio, seja no café da manhã ou lanche da tarde.

Como fazer café cremoso com chocolate branco? 

O café cremoso com chocolate branco é uma receita deliciosa dessa bebida amada pelo brasileiro. Além de gostosa, ela precisa de poucos ingredientes e o resultado é igual aos mochas de cafeteria

Em suma, a base é de café bem forte, concentrado. Por fim, é adicionado uma ganache que é incorporada na bebida. A receita com quantidades certas é a seguinte:

  • 1 cápsula de café forte já preparado, (o que deve dar uns 50 ml);
  • 200 ml de leite;
  • 50 ml de ganache.

Basta colocar o leite, o café e a ganache em uma caneca e por fim, misturar bem. Desse jeito, a bebida fica encorpada, cremosa e muito mais rica em textura e sabor.

Ganache, qual o melhor modo de fazer?

A ganache é um jeito ótimo de incrementar o café cremoso. Além de ser facilmente preparada, pode ser usada também em doces, sobremesas e bolos. 

O modo de fazer é simples e pode ser tanto no fogão quanto no micro-ondas. Basta incorporar o creme de leite e o chocolate derretido até alcançar a consistência desejada.

Dá para fazer café cremoso sem lactose?

Nos dias atuais, já é super possível encontrar ingredientes sem lactose para fazer quase qualquer receita e isso inclui o café cremoso. O truque é substituir o leite e o creme de leite por opções vegetais, como o de aveia ou similares. 

Escolher um chocolate que não contenha leite também é crucial. Desse modo, é possível adaptar a bebida sem perder a qualidade.

Café cremoso em xícara branca e pires com colher prateada sobre mesa de madeira
O café cremoso fica ainda melhor com extras como marshmallow ou chantilly. Imagem de H H em Pexels.

O que é o mocha branco?

Mocha é exatamente o nome da bebida que mistura café cremoso, chocolate e leite. Ou seja, mocha branco é a versão que leva esse tipo de chocolate em sua composição. Essa combinação funciona bem, já que ele é bem doce. Quando acrescentado ao café mais amargo, os dois se complementam perfeitamente.

Mocha branco X mocha tradicional

A diferença básica entre os dois é exatamente o chocolate. Enquanto que o branco leva, como o nome já diz, chocolate branco, o tradicional tem chocolate ao leite ou meio amargo. Essa mudança altera tanto no sabor quanto na aparência desse café cremoso.

Qual a origem do mocha?

Acredita-se que o nome tenha origem na cidade de Mocha, onde o café local tinha intensas notas achocolatadas. Então, nomearam como mocha o café com leite e chocolate, justamente por ter os mesmos sabores que a inspiração.

O que é o café em cápsula?

O café em cápsula é fácil e prático, além de levar poucos minutos para fazer. Ele é o pó de café comprimido em uma cápsula. Quando inserido na máquina, um furo é feito, recebe-se a água quente e assim, a bebida quente sai com uma certa pressão. Isso faz com que seja um café cremoso e mais encorpado.

Quais as vantagens do café em cápsula?

Além da praticidade e rapidez, há mais variedades de sabores disponíveis. Ou seja, é mais versátil do que as outras versões. Por serem cápsulas lacradas, também se mantém mais fresco por mais tempo. O modo de preparo pela máquina também aprimora o sabor, a fim de deixar o café saboroso sem adição de ingredientes extras.

Quando surgiu o café em cápsula?

A ideia de cafés encapsulados surgiu em 1975, após a visita a um espresso bar italiano. Foi assim, afinal, que o engenheiro Eric Favre teve a ideia da máquina de cápsulas. Sendo assim, ele criou um item que adiciona pressão e ar na água que passa a bebida. Desse modo, ela fica mais parecida com o espresso das máquinas tradicionais.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.