Veja o que torna o café colombiano tão saboroso e famoso no mundo

Veja o que torna o café colombiano tão saboroso e famoso no mundo

O café colombiano possui um sabor único e inesquecível, que todo degustador apaixonado pela bebida precisa conhecer. Desse modo, se você faz parte desse grupo, descubra o que faz com que o grão dessa região seja considerado o melhor do mundo. 

O que é o café colombiano?

Café colombiano é um tipo de grão que é cultivado apenas nessa região. Inclusive, vale citar que ela é conhecida no mundo todo por sua produção de alta qualidade, que deixa qualquer pessoa que prova apaixonado. 

Veja o que torna o café colombiano tão saboroso e famoso no mundo
O café colombiano passa por um processo meticuloso até chegar à xícara. Imagem do Freepik.

Qual é a história do café colombiano?

A história popular conta que o café colombiano chegou ao país em 1700 pelo Jesuítas. Mas, os dados comprovados mostram que a primeira comercialização do grão na região foi em 1835. Ou seja, não há um consenso sobre a sua origem.

A única coisa que é possível ter certeza é que em 1860 o grão da Colômbia já era o principal meio de exportação do país. Assim, diversas famílias praticavam o ato de cultivar pés de café para conseguir criar uma boa renda. 

A realidade é que com pouco tempo, as pessoas perceberam que tudo favoreceu para que a Colômbia se tornasse uma pioneira no ramo. Isso porque, o solo da região é muito fértil e o clima ajuda ainda mais no processo. 

Com as características citadas, a região passou a investir em um marketing que dominou o mundo todo. Afinal, ainda hoje, esse café é conhecido como o melhor do mundo. Inclusive, vale saber que ele foi o primeiro a receber a categoria de Premium. 

O papel do governo

É indiscutível que o sabor do café da Colômbia é maravilhoso. Entretanto, a sua reputação mundial não vem apenas da alta qualidade do produto. Afinal, em 1959, o governo criou uma campanha cuja meta era promover o grão. 

O marketing foi tão forte que as entidades governamentais elegeram o produto como parte da identidade do país. Então, é claro que isso chamou muita atenção e assim, pessoas do mundo inteiro ficaram curiosas sobre o sabor e o aroma do café. 

Como é o sabor do café colombiano?

O sabor do café colombiano é suave, com baixa acidez e um aroma frutado. Além disso, ele pode variar entre corpo médio e encorpado e acompanha muito bem diversos itens, como:

  • bolos e pães;
  • frutas e nozes;
  • queijos e bolos. 

A realidade é que ele é muito versátil e por isso, você pode fazer diversas combinações únicas. Inclusive, devido ao seu sabor espetacular, muitas vezes o acompanhamento acaba virando secundário e ele combina bem com um café da manhã colonial

Veja o que torna o café colombiano tão saboroso e famoso no mundo
Cada processo do café colombiano é feito com todo cuidado. Imagem do Freepik.

Quais motivos específicos o tornam saboroso?

A suavidade única torna esse café saboroso e único. Isso porque, ao contrário de diversos outros produzidos no mundo, ele não tem o amargo típico do grão. Além disso, há outros fatores como:

O café é um grande marco da Colômbia. Desse modo, os produtores da região têm o máximo de cuidado para manter a boa reputação no mundo. Então, cada processo é executado de forma minuciosa. 

Ele é melhor do que o café brasileiro?

Não tem como comparar o café brasileiro com o colombiano. Isso porque, eles possuem características muito diferentes. Afinal, o nacional é mais amargo, possui um cheiro e sabor mais marcante, enquanto o outro, é o contrário. 

Na prática, tudo vai depender do gosto pessoal de cada um. Inclusive, ambos são excelentes opções para preparar um café da manhã especial

Peculiaridades no preparo do café da Colômbia

Uma das maiores peculiaridades do café da Colômbia é que ele é lavado. Ou seja, os frutos ficam de molho para remover a poeira e demais agentes externos. Assim, eles passam por um processo de fermentação que pode levar até 36 horas. 

Após o processo, os grãos ficam expostos ao sol para secarem e todas essas etapas tem como meta deixar a bebida mais doce. Mas, é bom saber que isso faz com que ele dure menos tempo que o brasileiro. 

Um café da Colômbia tem uma validade de apenas seis meses. Além disso, ele é muito sensível, o que significa que vários fatores podem fazer com que ele acabe estragando, por isso, é crucial ter muito cuidado. 

Como armazenar o café da Colômbia corretamente?

Para armazená-lo da forma correta, sempre o deixe em um lugar escuro e fresco. Ou seja, em armários e despensas fechadas, para mantê-lo longe do calor do sol. Além disso, há outras ações, como:

  • guardá-lo em um recipiente a vácuo;
  • não deixar ele perto de produtos com um cheiro forte;
  • de preferência, moer na hora;
  • nunca colocar na geladeira.

Na hora de comprar, veja os torrados recentes. Isso porque, os cafés da Colômbia não duram muito tempo. Assim, se ele estiver velho, o consumo terá que ser rápido.

Quando o produto vai para a geladeira, ele acaba ficando úmido e isso faz com que ele perca o seu aspecto natural. Desse modo, você não conseguirá provar a bebida da região de forma fidedigna. 

Como preparar um café colombiano perfeito?

O primeiro passo para preparar um café colombiano perfeito é escolher um grão de alta qualidade da região. Desse modo, procure lojas que tenham alto renome no Brasil. Além disso, é preciso usar água filtrada para preservar o sabor. 

Caso o produto não esteja em cápsula, você terá que coar para retirar a borra. Ou seja, se a sua intenção é comprar os grãos para moer, não esqueça de fazer esse processo para que tudo fique perfeito.

A melhor forma de acertar o preparo é optando pelas versões em cápsula. Afinal, elas já vem com a quantidade certa e se você está procurando uma boa empresa para adquirir o produto, conheça a Bicafé. 

Ela é uma pioneira no ramo de comercialização de café com os mais diversos sabores. Inclusive, um bom exemplo disso é a cápsula de café Bicafé Stravaganza. Isso porque, ela é uma bebida intensa e perfumada que marca o paladar.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.