café aumenta a pressão

O café aumenta a pressão: mito ou verdade?

Descubra se o café aumenta a pressão arterial. Além disso, veja se pessoas hipertensas podem consumir essa bebida que é popular no mundo todo. Tire todas as dúvidas, a fim de que possa apreciar o seu cafezinho sem culpa e colocando sua saúde em primeiro lugar.

O café aumenta a pressão arterial?

É um fato que o café aumenta a pressão, só que por um curto período de tempo, assim como acontece em atividades físicas. Aliás, alguns estudos foram feitos e constatou-se que o cafezinho pode também reduzir a pressão arterial.

Essa pesquisa, que durou cerca de quatro anos e contou com a participação de milhares de pessoas, trouxe a conclusão de que quem consome café todos os dias, tem menos riscos de sofrer de hipertensão.

A hipertensão, antes de tudo, é um problema que afeta o bem-estar e a saúde do corpo. Desse modo, se caracteriza pelo aumento da pressão arterial e o seu tratamento, em geral, inclui:

  • alimentação equilibrada;
  • uso de medicamentos;
  • prática de exercícios físicos.

Uma das mudanças que a pessoa que sofre de hipertensão precisa fazer é ter um maior controle sobre a ingestão de cafeína, seja em bebidas como o café ou em energéticos e refrigerantes.

a imagem ilustra sobre café aumenta a pressão
Estudo revela que café aumenta a pressão arterial em doses exageradas. Imagem de master1305 no Freepik

Estudo comprova que o café reduz a pressão arterial

No estudo feito, os mais de quatro mil participantes se dividiram em quatro grupos, entenda melhor a seguir:

  • pessoas que não consomem café;
  • indivíduos que bebem uma xícara ao dia de 50 ml;
  • participantes que ingerem no máximo três xícaras por dia;
  • pessoas que consomem mais de três xícaras diárias. 

Além do café, outros critérios foram considerados como os hábitos de alimentação. Então, após muitas análises, conclui-se que há uma relação entre ingerir a bebida de forma moderada (até 3 xícaras diárias) e um menor risco de sofrer de hipertensão.

O estudo indicou que aqueles que não bebem café no dia a dia são mais propensos a terem pressão alta do que os apaixonados pela bebida mais famosa do mundo.

Por que o café reduz a pressão arterial?

A diminuição da pressão arterial ao consumir café todos os dias se deve a presença de polifenóis na bebida. Esses compostos têm como papel não só prevenir a hipertensão, mas agir contra o câncer, bem como, também são anti-inflamatórios e antioxidantes.

O café aumenta a pressão de quem é hipertenso?

O café aumenta a pressão daqueles que exageram em seu consumo diário, sejam eles hipertensos ou não. Portanto, quem bebe de duas a três xícaras ao dia, ou seja, tem uma ingestão moderada, não há uma elevação significativa nos níveis de pressão

Essa regra inclui todas as outras bebidas com cafeína em suas composições, como é o caso dos energéticos e dos refrigerantes, por exemplo. Assim, o ideal é que a dose não ultrapasse 200 mg ao dia. 

No geral, essas bebidas cafeinadas contém cerca de:

  • energético de 250 ml: 80 mg de cafeína;
  • refrigerante de 350 ml: 34 mg;
  • chá verde (150 ml): 10 a 50 mg.

Para as crianças com menos de 12 anos, o melhor é evitar a cafeína e para quem tem entre 13 e 18 anos, o recomendado é ingerir até 100 mg por dia.

Hipertensos podem tomar café a qualquer hora?

Quem tem hipertensão, tem o momento certo de ingerir essa bebida ou qualquer outra que contenha cafeína. Portanto, recomenda-se que as pessoas que sofrem de pressão alta, evitem o café antes de:

  • fazer exercícios físicos;
  • levantar peso;
  • realizar trabalhos pesados.

O motivo é que todas essas atividades acima já elevam o nível da pressão arterial de maneira natural. Então, a adição da cafeína pode aumentá-la ainda mais.

Consumo frequente de café evita a elevação da pressão

Quem tem o hábito de tomar café todos os dias pode criar uma tolerância maior à cafeína e assim, evitar que a pressão aumente. Mas, essa não é a única vantagem de consumir a bebida, já que ela reduz em até 15% o risco de desenvolver algum problema de coração.

O cafezinho ainda diminui o estresse oxidativo das células e a inflamação, o que permite a prevenção de diversas doenças. Todos esses benefícios, de fato, só são uma realidade com o seu consumo moderado, isto é, sem exageros.

a imagem ilustra sobre o tema café aumenta a pressão
O café aumenta a pressão arterial quando o seu consumo é excessivo. Imagem de katemangostar no Freepik

Em grandes quantidades, o café aumenta a pressão arterial?

O café aumenta a pressão arterial de maneira prejudicial quando consumido em grandes quantidades. Nesse caso, mais do que elevar a pressão, pode causar outros problemas como:

  • aumento da frequência cardíaca;
  • maior risco de arritmias.

De forma moderada, a cafeína estimula o cérebro, reduz a sonolência, ajuda no foco e no raciocínio, bem como, diminui o cansaço. Portanto, a palavra-chave aqui é evitar excessos, a fim de aproveitar todas as vantagens que a bebida pode agregar ao seu dia a dia.

Tomar café com açúcar pode aumentar a pressão?

O açúcar, quando em excesso, pode aumentar a pressão arterial. Assim como o café, há uma dose diária recomendada para evitar maiores problemas à saúde e ao bem-estar. Desse modo, a dica é consumir no máximo cinco colheres de chá por dia.

Uma boa dica é se adaptar a ingerir essa bebida quente sem açúcar, aproveitando o doce natural dos grãos. Isso, sem dúvida, se torna mais fácil ao adquirir cafés especiais e de qualidade como os da Bicafé.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.